💥A Dor, segundo mecanismos neurofisiológicos

Importância para o diagnóstico e tratamento da dor. 📋🏋‍♂

🔎Identificar o tipo de dor predominantemente numa condição, pode ser relevante para um diagnóstico preciso e um tratamento eficaz? 🤷‍♂

💊 Tratamentos que têm por base a classificação da dor com base nos seus mecanismos neurofisiológicos, são teoricamente mais eficazes, do que aqueles centrados nos sintomas ou doenças.🤕

💁‍♂ Podemos classificar a dor, segundo o seu mecanismo neurofisiológico predominante, como:

➡ Dor Nociceptiva: é a dor que resulta de uma lesão (real ou potencial) ou doença e decorre da ativação de nociceptores, provenientes de tecido não neural. Podem ter uma origem somática (ossos, músculos, articulações e pele) ou visceral (órgãos).🦴

➡ Dor Neuropática: é a dor que resulta de lesões ou doenças que afetam o sistema nervoso central e/ou periférico. 🧠

➡ Dor Nociplástica: é a dor que resulta de alterações processuais da nocicepção, mesmo na ausência de uma lesão ou doença detetável. Esta nocicepção alterada, pode ocorrer pela: sensibilização do sistema nervoso, inibição dos mecanismos de controlo descendente da dor, entre outros. 😣

👨‍⚕ O principal desafio na prática clínica consiste em identificar o mecanismo neurofisiológico predominante da dor, que a pessoa relata. Sendo que, o objetivo ideal no alívio e gestão da dor é selecionar as intervenções mais indicadas, para cada um destes mecanismos.🏋‍♂

💁‍♂ Compreendeu a importância de uma avaliação e uma intervenção bem estruturada e personalizada? 📋

👨‍⚕ Saiba que estou aqui, para o(a) ajudar neste processo. 💙

💁‍♂ Se tiverem dúvidas, deixem-nas nos comentários! 💬

#fisioterapia #dor #dorcronica #tratamento #avaliação #diagnostico

You are currently viewing 💥A Dor, segundo mecanismos neurofisiológicos

Deixe um comentário